“Saúde na live”: ações e medidas contra o Covid-19

A Prefeitura de Pirpirituba realizou, nesta terça-feira (05), às 19:30, nova exibição ao vivo (live) em sua página do Facebook sobre as ações e medidas preventivas adotadas pela gestão em combate ao Covid-19 (coronavírus), com a participação da Secretaria Municipal de Saúde e Ouvidoria Municipal.

Com a presença da Secretária de Saúde Elisângela Lucena, a Coordenadora de Atenção Básica Érika Pontes, a Psicóloga do município Gabriela e o Ouvidor Municipal Tony Souza, esclareceram dúvidas e reforçaram as ações organizadas pela Comissão de Gerenciamento de Crise, que semanalmente se reúnem para traçar ações. Vejamos a seguir:

  • USO DE EPIs

Foi destacada a importância do uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), reforçados pela gestão e utilizados pelos profissionais da saúde e limpeza urbana, visando atender as devidas medidas de proteção aos que atuam em maior exposição ao Covid-19 (coronavírus), confira mais.

A Secretária Elisângela também reforçou a necessidade de conscientização e apoio dos pirpiritubenses a respeito das medidas preventivas adotadas no município.

  • MONITORAMENTO E CASOS NO MUNICÍPIO

A Secretaria de Saúde vem realizando o monitoramento de possíveis suspeitos de contaminação pelo Covid-19 e pedindo a colaboração da população, para que a comunique imediatamente se alguém de sua casa, família ou vizinho, chegou de viagem de algum lugar onde há registros de casos, para que as devidas medidas sejam tomadas.

Os números para contato são: 3277 1047 (Saúde) e 83 3277 1108 (Ouvidoria e WhatsApp).

A Secretária Elisângela informou sobre os dois casos recentemente confirmados no município e como funciona os atendimentos as possíveis suspeitas. “A população com sintomas virais (gripe e dentre outros), bem como visitantes que chegam de outras cidades com casos confirmados, estão sendo acompanhadas por equipe da Vigilância Epidemiológica (médicos, enfermeiros), Vigilância Sanitária e Coordenação de Atenção Básica. Ocorre que, a população informa diretamente a Secretaria Municipal de Saúde ou aos Agentes Comunitários de Saúde (ACS), onde os moradores recebem a visita e se comprometem assinando um termo de responsabilidade, visando evitar o contato social, pois muitos dos contaminados são assintomáticos, mas apesar de não demonstrarem sintomas, podem contaminar outras pessoas”.

Ao persistirem os sintomas, serão encaminhados para a UPA de Guarabira para triagem, onde o teste será realizado, caso verificado alguns dias de sintomas, atendendo as recomendações da Secretaria Estadual de Saúde. Se confirmado o Covid-19 no paciente, será recomendado o isolamento domiciliar para aqueles que apresentarem sintomas leves, além de acompanhamento por equipe médica local, já nos casos de sintomas elevados, serão encaminhados para os hospitais referências de nossa microrregião, o Hospital Regional em Guarabira ou o Hospital Clementino Fraga em João Pessoa.

  • SAÚDE MENTAL NO ISOLAMENTO SOCIAL

“Toda esta situação tem o poder de afetar a saúde mental das pessoas, aumentando os níveis de ansiedade, pois fatores desconhecidos e incertos fazem com que todos se sintam inseguros”, afirma a Psicóloga Gabriela.

É aconselhável buscar amenizar os sintomas de ansiedade e tentar viver de uma maneira saudável, refletindo sobre os aprendizados que podemos ter com toda essa triste realidade. É importante evitar o bombardeio de informações, criar novas rotinas, saber aproveitar o que de bom as tecnologias podem proporcionar, são alguns exemplos citados para cultivar pensamentos positivos.

  • BARREIRAS SANITÁRIAS

A Secretaria Municipal de Saúde instalou barreiras sanitárias nos principais acessos de Pirpirituba. A medida orienta motoristas e passageiros, além de monitorar as condições de saúde, aferindo pressão e distribuindo máscaras, bem como a higienização dos pneus. Confira mais.

  • DECRETOS

Tony Souza destacou a respeito dos Decretos, Municipal e Estadual, que reforçam o uso obrigatório de máscaras e delimita o comércio apenas para os considerados essenciais, como supermercados, farmácias e bancos, reforçando a importância do isolamento social neste período. Confira mais do decreto.

Encerrando o momento, a Coordenadora de Atenção Básica, Érika Pontes, frisou os cuidados que devem ser redobrados pela população, devendo seguir as orientações no uso da máscara, higienização e evitar aglomerações nas próximas semanas.

COMPARTILHAR